editar · histórico · imprimir

Perguntas Frequentes sobre o Estilo de Vida Descalço

Este FAQ responde questões que descalços e não-descalços fazem a maioria das vezes aos descalços, desde questões simples até as relacionadas com os cuidados e a saúde dos pés, e também como lidar com uma sociedade opressora aos descalços.


Conteúdo

Por que?

  • P1: Por que andar descalço?
  • R1: Porque é natural e nos sentimos bem.

Saúde

  • P2: Descalço terei chulé ou micoses?
  • R2: Fungos e bactérias gostam de umidade, o pé descalço fica seco enquanto o calçado fica molhado de suor. Desta forma, o calçado é quem dá o chulé e as micoses e não o pé descalço.
  • P3: Nosso pé é fraco e assim precisa de proteção, não é verdade?
  • R3: Não. Quase todas as artes marcias são praticadas descalço. Um pé treinado pode ser um arma letal e duro como ferro.
  • P4: Andar descalço não suja os pés?
  • R4: Suja, então sempre lave os pés com a mesma frequência que lava as mãos.

Mundo do Calçado

  • P5: Não é desrespeito andar descalço?
  • R5: A nossa cultura é cristã. Segundo a Bíblia é desrespeito apresentar-se a Deus ou pisar chão sagrado usando sapatos ou sandálias. (Êxodo 3:5)
  • P6: O que dizer a alguém que passa por mim e faz um comentário ofensivo?
  • R6: Leve na esportiva.
  • P7: Mas os pés não são feios de se mostrar?
  • R7: Os pés das maioria das pessoas estão atrofiados pelo uso de sapatos. Assim como um corpo treinado vira corpo bonito, um pé treinado vira pé bonito.

Este é o FAQ de um experiente corredor descalço.


Barefoot Rick´s FAQ

P: Porque você corre descalço?

R: Há várias razões por que eu comecei a correr descalço, e até mesmo mais por que eu continuo. Quando eu comecei em Outubro de 2003, eu fiquei fascinado pela idéia de alguém poder correr sem tênis. Eu sempre adorei estar descalço, então isto parecia muito lógico para mim. Eu li sobre correr descalço e descobri que corredores descalços experimentavam muito menos lesões, devido ao modo de correr frente do pé/calcanhar. Compahias de tênis sempre fizeram calcanhares altos em seus produtos? Até mesmo em tênis de corrida. O resultado é impacto no calcanhar que pode causar problemas nos joelhos e pernas. Visto que eu tenho corrido quase que exclusivamente descalço desde Outubro de 2003, eu não experimentei nenhuma lesão nos meus joelhos ou pernas. Isto não era verdade quando eu usava tênis. Eu time uma fratura devido a esforço na superfície tibial do meu joelho esquerdo e um estalo severo no meu joelho direito. Desde que comecei a correr descalço, eu não tive recorrências de problemas associados com as lesões anteriores.

Aqui estão algumas poucas razões pelas quais eu continuo a correr descalço:

  1. Livre de lesões devido a forma de corrida adequada.
  2. Eu me sinto ótimo!
  3. Eu não tenho mais que sustentar as compahias de tênis de corrida.
  4. Eu sempre tenho meus “tênis” de corrida comigo.
  5. Cria novos desafios para correr em maratonas (depois de 18 maratonas usando tênis, eu estava procurando por um novo desafio)
  6. Eu acredito que é o modo como fomos criados para correr.

P: Como você pode correr no asfalto e concreto sem cortar seu pé com pedras e vidro?

R: Leva tempo para poder correr em asfalto e concreto. Eu recomendo que corredores comecem em locais macios, ou com grama como campos de futebol. Uma vez que um corredor pode completar algumas milhas em superfícies macias 3 ou 4 vezes em uma semana, eu recomendo começar a mixar um pouco com superfícies mais duras. Uma vez que o corredor começa a correr em asfalto e concreto, pequenas pedras e vidro se tornam um fator. No entanto, um corredor vai aprender rapidamente como escapar deste tipo de obstáculos e encomodações. A coordenação olho/pé irá aumentar a medida que a pessoa corre em concreto/asfalto. Lembre-se, comece devagar e aumente a intensidade lentamente. Confiança é uma coisa que, provavelmente, o corredor ganhará mais rápido que o condicionamento necessário na sola do pé. É fácil de exagerar uma vez que o nível de confiança sobe. Faça com que seja uma experiência lenta e agradável no começo.

P: Se correr descalço é uma maneira mais natural de correr, porque não tem mais pessoas correndo desta forma?

R: Eu acredito que existem muitos fatores. Provavelmente um dos maiores é o estigma social sobre estar descalço, de que é uma maneira de espalhar bactérias e doenças. Isto é um erro visto que bactérias crescem em ambientes úmidos (como dentro dos tênis). O pé descalço não é um local hospitaleiro para bactérias visto que a pele é constantemente esfoliada e não está em um ambiente úmido.

Outra razão pela qual não tem mais corredores descalços é porque não é a norma. Muitos corredores se sentiriam desconfortáveis em fazer algo tão radical como retirar seus tênis. Eles não sabem como lidar com os olhares e perguntas que eles receberiam enquanto correndo descalço.

Outro fator é o medo de machucar seus pés pisando em vidros, pedras, batendo com os dedos no chão, etc. Honestamente, eu posso dizer que desde que eu comecei a correr descalço eu não fiquei incapacitado ao ponto de não poder correr no dia seguinte devido a vidro quebrado ou por causa de uma pedra. As contusões foram muito pequenas. Elas nãos são nem mencionadas porque são classificadas como farelos ou pequenas bolhas quando eu comecei a correr descalço.

P: Como você corre descalço do inverno?

R: O inverno de 2003-04 foi minha primeira experiência com corrida descalço onde pode ser fazer muito frio aqui em Heartland. Acredite ou não, teve poucos dias em que eu não pude correr descalço. Enquanto as temperaturas estavam abaixo de 10 graus Fahrenheit, o clima frio não me encomodou. Claro que o começo da corrida era um pouco frio. Mas, como qualquer parte do seu corpo que você estiver exercitando no frio, o pé esquenta bem rápido. Neve e gelo causavam algum problema as vezes, mas eu escolhia areas como grama ou caminhos que não tivessem uma camada lisa acima deles como asfalto e concreto. O pé pode ficar bem frio em neve profunda... Eu não recomendo correr em neve mais profunda que o tornozelo. Eu provavelmente mudarei minha opinião após alguns anos correndo no inverno.

editar · histórico · imprimir
Página atualizada pela última vez em 30 de outubro de 2010, às 15h24